CÂMARA DE VEREADORES REALIZA AUDIÊNCIA INTERNA SOBRE SEGURANÇA PÚBLICA EM SÃO JOSÉ DE RIBAMA

HENRIQUE QUEEN SOLICITA IMPLANTAÇÃO DE UM TERMINAL VIÁRIO E TURÍSTICO NA PRAIA DA BOA VIAGEM
10 de julho de 2013
LEI QUE TORNA EXAMES VISUAIS E AUDITIVOS OBRIGATÓRIOS NA REDE MUNICIPAL DE ENSINO É APROVADA NA CÂMARA
16 de julho de 2013
Show all

20130709_170135

Câmara em Ação – Aconteceu na tarde da última terça-feira (9), na Câmara Municipal de São José de Ribamar, uma Audiência Interna para tratar de assuntos relacionados com a Segurança Pública no município. De autoria dos vereadores Celso da Kiola e Nonato Lima, o requerimentoque solicita a Audiência foi aprovado por unanimidade em junho, e contou nesta terça-feira, com a presença dos vereadores de São José de Ribamar ( Poder Legislativo ); do Secretário Municipal de Transporte Coletivo, Trânsito e Defesa Social, Coronel Iratan Barbosa (Poder Executivo); do Delegado Pauliran Pereira de Moura (Policia Civil); do Major Jorge Antônio de Araújo Jr, (Policia Militar), do Departamento Jurídico da Câmara Municipal de São José de Ribamar, Dr. Murilo Lobato Abreu; e da Promotora Geraulides Mendonça Castro, (Ministério Público).

O Major Araújo iniciou a Audiência apresentando em detalhes números e relatórios sobre homicídios, tráfico e a estrutura de efetivo e viaturas no município, e ressaltou a importância da união dos poderes para combater a violência em São José de Ribamar.

“Os números da criminalidade vem diminuindo, veja que no São Raimundo e na Vila Roseana Sarney, concentramos nossas forças e conseguimos tirar de circulação traficantes perigosos. Fruto de uma grande parceria entre Polícia Civil, Militar, Serviço de Inteligência e Ministério Público, tudo tem sido feito em sincronia e com muita eficiência, mas também percebemos que tem aumentado o número de migração de meliantes, e hoje, já temos nomes e números que nos mostram a vinda de bandidos do Coroadinho, Liberdade e Alemanha para as regiões do Conjunto Habitacional Nova Terra.” Disse o Major Araújo.

Com um efetivo de 179 homens da Polícia Militar para São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa e 05 viaturas para São José de Ribamar, de acordo com Araújo, o ideal seria pelo menos mais 200 homens.

“Essa iniciativa é de extrema importância, porque junto com a força do Poder Legislativo, podemos lutar para conseguir dobrar o número de efetivos.” Concluiu Araújo.
Já a Promotora Geraulides Mendonça Castro não poupou críticas a morosidade da Justiça e a falta de aparelhamento.

“Em muitos casos tenho que devolver o processo por falta de um simples laudo cadavérico. Essa falta de aparelhamento deixam as perícias praticamente impossíveis. Por isso, nós temos que cortar a própria carne e admitir, a morosidade da justiça é um dos maiores problemas.” Desabafou a promotora.

Um dos pontos questionados pelos vereadores foi a necessidade de um Plantão para a delegacia de São José de Ribamar.

“Somos a terceira maior cidade. São Luís tem, Imperatriz tem, por tanto, é preciso que haja plantão na delegacia em São José de Ribamar, se preciso, formaremos uma comitiva e vamos pedir para a Governadora, para o Secretário de Segurança, enfim, não podemos é deixar que uma ocorrência que aconteça aqui, o cidadão tenha que ir para o plantão do Cohatrac.” Defendeu o vereador Professor Lister.

Para o delegado Pauliran Moura, o município já deveria ter pelo menos mais duas Delegacias de Polícia.

“São José de Ribamar de longe deixou de ser uma cidade pacata, onde conhecíamos os criminosos e a população, é preciso descentralizar as ações para garantir a segurança pública em todo o município. O que vejo, é que já deveríamos ter pelo menos mais duas delegacias de Polícia, porque a demanda é muito grande.” Disse Pauliran.

Outras ações que vão garantir avanço na Segurança Pública no município foram lembradas durante a reunião, como a construção 13º Batalhão, implantação da USC e do Vídeo Monitoramento, de acordo com o Major Araújo, todas as pautas foram anotadas e medidas serão tomadas para a melhoria da segurança.

Os comentários estão encerrados.